Experiências com as quatro melhores coisas da vida: Comer e Viajar

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Influência japa e prato ocidental

A lista de ingredientes sugere uma refeição de inspiração japonesa: filé, molho shoyu, wasabi, macarrão de yakisoba, gergelim e cogumelos shiitake. O preparo até lembrava de certa forma a comida do país oriental, mas formava uma refeição com mais cara de ocidente mesmo.

O filé foi combinado com o gergelim e assado na chapa, ficando bem vermelho, quase cru por dentro. Para completar, foi coberto com uma farta camada de raiz forte verdinha, daquelas normalmente servidas com sushi. Foi uma parte.


A outra parte é que os cogumelos foram refogados no óleo de gergelim torrado (e um pouco de açúcar) e depois ganharam uma cobertura de molho de soja. Isso formou um molho bem interessante, para cobrir o macarrão e fazer de acompanhamento para a refeição.


A combinação da carne com a raiz forte não é tão popular por essas bandas. O Monstro experimentou pela primeira vez num cardápio especial em um restaurante que foi com parentes la em Alphaville (na única vez que foi nessa “cidade”). Tinha achado estranho. A idéia de fazer em casa veio depois que comeu algo parecido em um sanduíche da rede Uno e Due, que trazia rosbife e um toque suave do wasabi.

A raiz forte industrializada é vendida em supermercados como o Hirota e o Pão de Açúcar (custa pouco menos de R$ 10). Ela é uma reinterpretação artificial (em pó, com base em mostarda e corantes) que dizem ser bem parecida com a de verdade, natural, que custa caríssimo e é difícil de achar.

Um comentário:

Barrozo disse...

Que prato! Você esta de parabéns, to doido pra fazer algo parecido!
Dica: comprando os cogumelos desidratados, você deverá deixa-los hidratando em água por horas e depois cozinhá-los por 10min. A água pode ser usada para cozinhar o macarrao, dando um toque especial!